logo-amarello

Transformação de Perspectiva: Mônica Rizzolli

Mônica assina a capa da nossa edição Perspectiva com uma obra interativa, um código que se transforma através do contato do espectador. Sua criação reflete sobre o processo de transformação na paisagem urbana, dos rastros de tempos passados que vão se escondendo pouco a pouco até sumirem.

Clique aqui para ver

Publicamos a capa da nossa nova edição, criada por Mônica, como código, para que você possa interagir com ela. Também trazemos para este post o texto que apresenta Mônica e sua produção na AMARELLO #27:

Graduada em Artes Plásticas pela UNESP, Mônica teve seu primeiro contato com a arte logo na infância. Sobrinha e bisneta de pintores, passava os dias brincando na gráfica de seu avô. Começou a desenhar na adolescência copiando os personagens de HQs. Logo depois, a gravura tornou-se um de seus principais interesses; foi aprendiz de litografia e estudou Shodô (caligrafia japonesa). A experiência como performer no projeto [In.CoRpo.Ro] e o trabalho em um ateliê de modelo vivo, onde dirigia sessões de desenho e ocasionalmente posava, inspiraram a artista a desenvolver os temas centrais de seu trabalho: o corpo e as relações humanas. Realizou exposições individuais na AMAM – Associação dos Amigos do Museu de Arte Moderna e no Centro Cultural Sede Avenida, em São Carlos, SP. Entre as mostras coletivas de que participou, destacam-se aquelas nos espaços: Galeria Deco, Espaço +SOMA, Galeria Nuvem, Ateliê 397, Instituto Europeo di Design, POP Galeria, SESC Vila Mariana, MIS – Museu da Imagem e do Som e Casa do Olhar, em Santo André, SP e a Exposição Elefante Branco.







Share