Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

ESGOTADOS

Uma reflexão sobre as imagens que um país usa para se representar no exterior, e sobre os paradoxos que podem nascer dessas imagens.

Por Elsa Leydier

No Rio de Janeiro, bem perto do estádio do Maracanã, ficava o antigo Museu do Índio. Índios de diferentes comunidades ocupavam o espaço há vários anos. Eles lutavam pela preservação desse local de importância histórica e, ao mesmo tempo, pela preservação de suas culturas, já que ali praticavam artesanato, técnicas terapêuticas etc. O espaço era também um centro que recebia índios das mais diversas comunidades que estavam de passagem pelo Rio de Janeiro.

Em março de 2013, depois de alguns meses de luta, os índios que ocupavam o edifício foram violentamente expulsos pela Polícia Militar. Tudo isso com o intuito de destruir o prédio para abrir espaço a um complexo de restaurantes, estacionamentos e lojas de produtos relacionados à Copa do Mundo.

Em fevereiro de 2014, os Correios lançaram 600 mil selos comemorativos da Copa do Mundo de futebol daquele ano. Em alguns dias, todos foram vendidos; pela internet e nas agencias físicas dos Correios, os estoques se esgotaram.

As onze imagens do trabalho “Esgotados” foram impressas sob a forma de cartazes e colados nas ruas de Arles durante a Copa do Mundo de 2014.

Esse trabalho é uma reflexão sobre as imagens que um país usa para se representar no exterior, e sobre os paradoxos que podem nascer dessas imagens.

Compartilhe
Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.